PLASTICINE

“Plasticine é uma autêntica viagem sonora.
O nosso mundo cresce!”

Fulvia Almeida, Directora Artística da ArQuente

Projeto de fusão e world music, desafia as fronteiras sonoras. Na sua música podemos encontrar várias influências e reconhecer facilmente elementos de Jazz, Funk, Soul, Rock ou Afro-beat que se combinam numa diversidade rítmica e harmónica com melodias contagiantes.

As suas atuações são pautadas pela criação de diferentes ambientes musicais e por dinâmicas bem vincadas.

A banda estreou-se em março de 2018 no Clube Artístico Lacobrigense, em Lagos, e em Setembro de 2019, lançou o seu o primeiro CD, assinalando o facto com um concerto no Auditório Solar da Música Nova em Loulé.

Em Março 2019, os Plasticine venceram o concurso de bandas organizado pelo Marginália Bar em Portimão.

Em 2021 foram selecionados para um Showcase na primeira edição da South Music, em Faro e nomeados nas categorias de” Melhor Performance Instrumental” e “Escolha do público” no International Portuguese Music Awards.

No início de 2022 lançaram um novo tema sobre a crise climática, em colaboração com João Frade, Sickonce e Perigo Público.

Em Setembro lançam “The Most Beautiful Skies” um álbum sobre resiliência e a calma após a tempestade, sobre o sentimento de quando olhamos para o céu e este nos parece o mais belo que alguma vez vimos por termos alcançado algo.

Todo o álbum é instrumental, excepto o primeiro e o último tema que são cantados: O primeiro fala sobre tomarmos conta do nosso destino a nível individual e o último é sobre tomar conta de todos os nossos destinos enquanto sociedade, uma vez que trata das alterações climáticas, o desafio mais premente que enfrentamos neste momento.” – João Faísca, compositor e guitarrista dos Plasticine.

FOTOS

VÍDEOS

LIVE

DISCOGRAFIA

THE MOST BEAUTIFUL SKIES

2022

PLASTICINE

2019

Press Kit

Booking